Petrobras – Relatório de Análise

Leilões com excelentes resultados

A empresa realizou na manhã de hoje uma teleconferência para discutir as aquisições feitas nos leilões realizados pela ANP esta semana.  A diretoria da Petrobras reafirmou que as três aquisições vão recompor as reservas da empresa, dado que com a crise sofrida, houve a postergação dos esforços exploratórios.  Além disso, os preços pagos foram sem ágio, evidenciando a disciplina de capital.  Outro compromisso reafirmado foi de que o endividamento não vai crescer com o pagamento dos bônus de assinatura.  Para manter a dívida numa trajetória de queda, a empresa vai intensificar seu programa de desinvestimentos.  Acreditamos que realmente as aquisições foram muito positivas, em campos de alta produtividade e baixo custo de extração.  Assim, insistimos em nossa recomendação de Compra para PETR4 com Preço Justo de R$ 34,50/ação (potencial de alta em 12%).

  • A dívida não vai aumentar no 4T19 em relação ao fechamento do trimestre anterior.  No 3T19, a relação Dívida Líquida/EBITDA ficou em 2,6x;
  • Foi mantido o objetivo de reduzir a Dív. Líq./EBITDA para 1,5x.  Para compensar os desembolsos dos Bônus de Assinatura dos leilões (líquido de R$ 35,4 bilhões) será intensificado o Programa de Desinvestimentos;
  • Não há interesse em vender uma parte do campo de Búzios para reduzir os riscos e os investimentos.  A empresa prefere vender os outros campos, se precisar de recursos;
  • Dividendos: Expectativas de rentabilidade e controle da dívida indicam retornos maiores para os acionistas após 2020.

Clique para acessar:

DISCLAIMER
Este relatório foi preparado pela Planner Corretora e está sendo fornecido exclusivamente com o objetivo de informar. As informações, opiniões, estimativas e projeções referem-se à data presente e estão sujeitas à mudanças como resultado de alterações nas condições de mercado, sem aviso prévio. As informações utilizadas neste relatório foram obtidas das companhias analisadas e de fontes públicas, que acreditamos confiáveis e de boa fé. Contudo, não foram independentemente conferidas e nenhuma garantia, expressa ou implícita, é dada sobre sua exatidão. Nenhuma parte deste relatório pode ser copiada ou redistribuída sem prévio consentimento da Planner Corretora de Valores. O presente relatório se destina ao uso exclusivo do destinatário, não podendo ser, no todo ou em parte, copiado, reproduzido ou distribuído a qualquer pessoa sem a expressa autorização da Planner Corretora.

As opiniões, estimativas, projeções e premissas relevantes contidas neste relatório são baseadas em julgamento do(s) analista(s) de investimento envolvido(s) na sua elaboração (“analistas de investimento”) e são, portanto, sujeitas a modificações sem aviso prévio em decorrência de alterações nas condições de mercado.
Declarações dos analistas de investimento envolvidos na elaboração deste relatório nos termos do art. 21 da Instrução CVM 598/18:
O(s) analista(s) de investimento declara(m) que as opiniões contidas neste relatório refletem exclusivamente suas opiniões pessoais sobre a companhia e seus valores mobiliários e foram elaboradas de forma independente e autônoma, inclusive em relação à Planner Corretora e demais empresas do Grupo.