Prezado Sr.(a),

A falta de liderança combinada com planos e objetivos desconexos é uma receita explosiva, sobretudo para quem, como o Brasil, depende visceralmente de soluções ordenadas urgentemente. O estabelecimento de uma nova coordenação política, salutar na sua concepção, não parece alinhar-se com os princípios do liberalismo e, com alguma “autonomia” e endosso do Presidente, formulam ideias mirabolantes e arrastam a debilitante credibilidade econômica para o fosso.

A recente guinada do Comandante em Chefe nos rumos da condução política aliada ao oportuno momento de se desenvolver sua marca social, o afasta cada vez mais do pragmatismo e exigências de um plano liberal. O financiamento do Renda Cidadã apresentado, com a presença de Paulo Guedes, agrada as grandes massas, mas falha miseravelmente nos entendimentos basilares, sejam eles jurídicos ou econômicos. Uma retórica repleta de presunção, que levou a um debate absolutamente desnecessário e incutiu um risco não previsto até então.

 

Clique aqui para ler o relatório completo.