Itaúsa – Relatório de Análise

Reunião Pública ressalta a gestão ativa de portfólio, práticas sustentáveis e geração de valor de longo prazo

A Itaúsa realizou ontem (23/set) sua Reunião Pública de 2020 onde foram abordados os principais aspectos relacionados a Holding e suas companhias investidas: Itaú Unibanco, Duratex, Alpargatas e NTS. O foco permanece no fortalecimento da gestão das investidas e geração de valor de longo prazo de forma sustentável, com base em negócios duradouros e impacto positivo na sociedade. A diversificação do seu portfólio de investimentos permanece no radar, sendo que a proposta pela aquisição da Liquigás segue em análise no CADE. No contexto de suas participações, destaque para alocação eficiente de capital, a melhoria contínua dos controles e processos internos, e uma cultura compartilhada com influência positiva na estratégia e governança das empresas.

Os resultados da Itaúsa não foram o foco da apresentação e já eram conhecidos: um lucro líquido recorrente de R$ 2,5 bilhões no 1S20 (ROAE de 9,4%), com queda de 47% em relação aos R$ 4,7 bilhões do 1S19 (ROAE de 17,8%). Com o objetivo de mitigar os efeitos negativos da pandemia nas operações, as companhias investidas têm atuado por meio de avanços nos canais digitais, na racionalização dos custos, automação de processos e investimentos em tecnologia. Seguimos com recomendação de COMPRA para ITSA4 e preço justo de R$ 12,70/ação.

 

Clique para acessar:

 

 

DISCLAIMER
Este relatório foi preparado pela Planner Corretora e está sendo fornecido exclusivamente com o objetivo de informar. As informações, opiniões, estimativas e projeções referem-se à data presente e estão sujeitas à mudanças como resultado de alterações nas condições de mercado, sem aviso prévio. As informações utilizadas neste relatório foram obtidas das companhias analisadas e de fontes públicas, que acreditamos confiáveis e de boa fé. Contudo, não foram independentemente conferidas e nenhuma garantia, expressa ou implícita, é dada sobre sua exatidão. Nenhuma parte deste relatório pode ser copiada ou redistribuída sem prévio consentimento da Planner Corretora de Valores. O presente relatório se destina ao uso exclusivo do destinatário, não podendo ser, no todo ou em parte, copiado, reproduzido ou distribuído a qualquer pessoa sem a expressa autorização da Planner Corretora.

As opiniões, estimativas, projeções e premissas relevantes contidas neste relatório são baseadas em julgamento do(s) analista(s) de investimento envolvido(s) na sua elaboração (“analistas de investimento”) e são, portanto, sujeitas a modificações sem aviso prévio em decorrência de alterações nas condições de mercado.
Declarações dos analistas de investimento envolvidos na elaboração deste relatório nos termos do art. 21 da Instrução CVM 598/18:
O(s) analista(s) de investimento declara(m) que as opiniões contidas neste relatório refletem exclusivamente suas opiniões pessoais sobre a companhia e seus valores mobiliários e foram elaboradas de forma independente e autônoma, inclusive em relação à Planner Corretora e demais empresas do Grupo.