Ibovespa dá nova arrancada e sobe 2,25%

MERCADO


Bolsa
O Ibovespa teve uma segunda-feira de forte valorização com 2,25% no fechamento, aos R$ 104.477 pontos, com giro financeiro de R$ 28,6 bilhões (R$ 25,8 bilhões no à vista). Os dados econômicos positivos no exterior e o pacote de ajuda à pandemia aprovado nos EUA puxaram as bolsas ontem. A semana traz dados importantes do exterior e resultados corporativos do lado externo e locais e os investidores parecem ter um olhar mais positivo para o que vem por aí. Hoje a agenda local tem como destaque o dado de empregos (Caged) previsto para esta manhã, a inflação da construção civil (INCC) e também o saldo de investimentos estrangeiros. Nos EUA, são poucos indicadores para hoje ficando mesmo a atenção voltada para as decisões mais amplas no campo político e as esperada reunião do Fomc. Hoje as bolsas europeias operam com predomínio de queda, nesta manhã.

Câmbio
O bom humor das bolsas foi o suficiente para derrubar a cotação do dólar de R$ 5,2319 para no fechamento de ontem R$ 5,1505.

Juros
Com os mercados mais calmos, os juros futuros seguem sem oscilações importantes. Ontem a taxa do contrato de Depósito Interfinanceiro (DI) para jan/21 encerrou em 1,930%, de 1,948% no ajuste anterior, e o DI para jan/27 terminou com taxa de 6,26%, de 6,333%.


ANÁLISE DE SETORES E EMPRESAS

Carrefour Brasil (CRFB3)
Crescimento de 74,9% no lucro líquido do 2T20 somando R$ 713 milhões

O Grupo Carrefour Brasil apresentou um forte resultado trimestral e no acumulado de 6 meses, com evolução nas principais contas de resultado com evolução nas receitas e maior controle nas despesas gerais. Um bom desempenho, acima das expectativas.

O Conselho de Administração aprovou o pagamento antecipado de uma parcela dos dividendos relacionada aos resultados de 2020, na forma de juros sobre o capital próprio, no valor total de R$ 482 milhões (ou R$0,242818828 por ação).

  • O pagamento será realizado em duas parcelas de R$ 241 milhões cada em 25/09 e 23/11.
  • Os acionistas com direito ao recebimento serão aqueles listados na posição acionária da Companhia em 21/08/2020.  As ações serão negociadas ex-JCP após essa data.
  • O valor por ação poderá ser alterado até a data do pagamento, devido à possível variação no número de ações resultante de emissão de ações, ou de negociações com ações emitidas pela própria Companhia, incluindo, dentre outros, aquelas decorrentes do exercício de opções de compra de ações.

Ontem a ação CRFB3 encerrou cotada a R$ 21,36 com queda de 8,5% no ano.


AES Tietê Energia S.A. (TIET11)
Resultado do Processo Competitivo de Alienação de Participação Acionária da BNDESPAR na AES Tietê

A AES Tietê informou que recebeu na noite de ontem, 27 de julho, correspondência de seu acionista BNDESPAR, comunicando que seu acionista controlador AHB Participações Ltda sagrou-se vencedora no processo competitivo promovido pela BNDESPAR para alienação de participação societária detida pela BNDESPAR na companhia.

A companhia manterá o mercado informado sobre seus desdobramentos. Não foi mencionado o valor pago, mas na mídia falava-se em R$ 17,15/Unit, e o comprometimento da companhia realizar a migração da AES Tietê para o Novo Mercado da B3.

Ontem TIET11 fechou cotada a R$ 16,65/Unit equivalente a um valor de mercado de R$ 6,55 bilhões.


Petrobras (PETR4)
Dois comunicados importantes

Após o pregão de ontem, a empresa fez dois comunicados, sendo o primeiro acerca do pré-pagamento de linhas de créditos tomadas no início da pandemia e o segundo informando o início do processo de venda de uma concessão na Colômbia.

· Inicialmente, a Petrobras informou que realizou o pré-pagamento de US$ 3,5 bilhões do total de US$ 8 bilhões em linhas de créditos compromissadas, que foram tomadas no início da crise gerada pela pandemia;

· Esta notícia é bastante positiva, evidenciando que a geração de caixa da empresa retornou aos padrões normais;

· No segundo comunicado, a Petrobras informou a divulgação da oportunidade, primeira etapa do processo de venda da totalidade da participação no Bloco Tayrona, localizado na Bacia de Guajira, Colômbia. Esta concessão está na fase exploratória e tem potencial para comprovar volumes significativos de gás.


CPFL Energia S.A. (CPFE3)
Dividendos de R$ 1,80/ação. Ex a partir de hoje

Em Assembleia Geral Ordinária (AGO), realizada ontem, 27 de julho de 2020, foi declarada a distribuição e aprovado o pagamento de dividendos pela companhia no montante de R$ 2,075 bilhões, equivalentes a R$ 1,800973412 por ação ordinária.

O pagamento será efetuado, em uma única parcela, até 31.12.2020, em data específica a ser oportunamente informada aos acionistas e ao mercado.

Farão jus aos dividendos os acionistas detentores de ações em 27 de julho de 2020, e a partir de hoje, 28 de julho de 2020, as ações serão negociadas “ex-dividendo”.

Com base na cotação de R$ 33,01/ação o retorno é de 5,45%.


Siderurgia
Números fracos em maio no Brasil

A produção brasileira de aço bruto em junho foi de 2,1 milhões de toneladas, quantidade 27,9% menor que no mesmo mês de 2019, segundo os dados divulgados pelo Instituto Aço Brasil (IABr). No primeiro semestre/2020, o volume produzido atingiu 14,2 milhões de toneladas, 17,9% abaixo deste período no ano passado.

· Os números de produção em junho foram fracos, em relação ao ano passado, refletindo a forte contração da demanda por conta da pandemia de Covid-19. Os dados do mês também foram decepcionantes porque ficaram 5,0% abaixo de maio;

· Em maio, as vendas de aço no mercado interno caíram 1,8%. Nos laminados, ocorreu uma redução de 11,8% no volume vendido de aços planos, mas crescimento de 12,3% em longos. A venda de semiacabados teve um incremento de 19,6% em maio, puxada pelo aumento de 60,7% em blocos e tarugos.


Se preferir, baixe em PDF:

 

 


DISCLAIMER
Este relatório foi preparado pela Planner Corretora e está sendo fornecido exclusivamente com o objetivo de informar. As informações, opiniões, estimativas e projeções referem-se à data presente e estão sujeitas à mudanças como resultado de alterações nas condições de mercado, sem aviso prévio. As informações utilizadas neste relatório foram obtidas das companhias analisadas e de fontes públicas, que acreditamos confiáveis e de boa fé. Contudo, não foram independentemente conferidas e nenhuma garantia, expressa ou implícita, é dada sobre sua exatidão. Nenhuma parte deste relatório pode ser copiada ou redistribuída sem prévio consentimento da Planner Corretora de Valores. O presente relatório se destina ao uso exclusivo do destinatário, não podendo ser, no todo ou em parte, copiado, reproduzido ou distribuído a qualquer pessoa sem a expressa autorização da Planner Corretora. As opiniões, estimativas, projeções e premissas relevantes contidas neste relatório são baseadas em julgamento do(s) analista(s) de investimento envolvido(s) na sua elaboração (“analistas de investimento”) e são, portanto, sujeitas a modificações sem aviso prévio em decorrência de alterações nas condições de mercado. Declarações dos analistas de investimento envolvidos na elaboração deste relatório nos termos do art. 21 da Instrução CVM 598/18: O(s) analista(s) de investimento declara(m) que as opiniões contidas neste relatório refletem exclusivamente suas opiniões pessoais sobre a companhia e seus valores mobiliários e foram elaboradas de forma independente e autônoma, inclusive em relação à Planner Corretora e demais empresas do Grupo.