MERCADO


Bolsa
Em dia de forte pressão vinda do lado externo pela tensão mundial provocada pelo coronavirus, o Ibovespa chegou a cair forte durante o dia, mas recuperou na reta final, encerrando com alta de 0,12% aos 115.528 pontos. Na realidade não houve nenhum fato relevante positivo com respeito à doença. Somente uma entrevista coletiva de autoridades da Organização Mundial da Saúde (OMS), que serviu para aliviar parte da tensão. O volume negociado na B3 totalizou R$ 24,8 bilhões. Hoje as bolsas internacionais operam novamente no vermelho na zona do euro, tiveram fechamento negativo na China e sinalizam perdas nos futuros de NY. Do lado externo, destaque para o fato de Alemanha e França alertarem os EUA para tirarem pressão sobre o Irã. A agenda econômica trouxe o PIB do 4T19 da zona do euro, com alta de 0,1% no T/T e de 1,0% no A/A. No Brasil, saiu a taxa de desemprego nacional em dez/19 em 11%. Outros indicadores locais e dos EUA completam a lista de hoje. Hoje data oficial do Brexit e nos EUA o assunto “impeachment” segue sendo discutido e em votação. No último pregão de janeiro, em dia cheio de fatos e expectativas, a B3 pode ter mais um dia de volatilidade, tentando medir a extensão dos problemas com o vírus.

Câmbio
O mercado mundial viveu dia de tensão com a decretação de emergência internacional pela Organização Mundial de Saúde (OMS). Com isso o dólar subiu de R$ 4,2260 para R$ 4,2475 (+0,51%).

Juros
A quinta-feira foi de alta no mercado de juros futuros, reflexo da puxada no câmbio e apreensão em relação ao vírus chinês. A taxa do contrato de Depósito Interfinanceiro (DI) para jan/21 encerrou em 4,360% de 4,340% na quarta-feira. Para jan/27, o DI passou de 6,581% para 6,59%.


ANÁLISE DE SETORES E EMPRESAS

Magazine Luiza (MGLU3)
Aquisição do site de vendas de livros novos e usados Estante Virtual por R$ 31 milhões

O Magazine Luiza arrematou o site de vendas de livros novos e usados Estante Virtual controlado pela Livraria Cultura, atualmente em recuperação judicial por R$ 31 milhões. A oferta foi realizada em leilão aberto à participação de interessados, no âmbito da recuperação judicial da Livraria Cultura.

Ontem a ação MGLU3 encerrou cotada a R$ 56,50 com valorização de 18,5% no ano. Em 2019 a ação subiu 112,3%.


BR Distribuidora (BRDT3)
Recebimento da 21ª parcela (R$ 37,4 milhões) da Eletrobras

A BR Distribuidora recebeu a 21ª parcela referente aos Instrumentos de Confissão de Dívidas (ICDs) da Eletrobras, no valor de R$ 37,4 milhões. Desde a assinatura do acordo, a distribuidora de combustíveis já recebeu R$ 4,275 bilhões da estatal.

Ontem a ação BRDT3 encerrou cotada a R$ 28,97 com queda de 3,7% neste ano. Em 2019 a ação subiu 30,9%.


Totvs (TOTS3)
A subsidiária, Soluções em Software e Serviços, concluiu ontem a aquisição de 100% do capital social da Consinco.

A operação foi anunciada em 27 de dezembro por R$ 197 milhões.

A Totvs divulgará os resultados de 2019 no dia 12 de fevereiro.

Ontem a ação TOTVS encerrou cotada a R$ 72,70 com valorização de 12,6% em janeiro. O valor de mercado da empresa está em R$ 13,9 bilhões.


Eletrobras (ELET3 e ELET6)
Captação de US$ 1,25 bilhão de títulos de dívida no exterior

A Eletrobras confirmou a captação de US$ 1,25 bilhão no exterior com títulos de dívida em duas tranches, uma com vencimento em 2025 e outra, em 2030.

Do total, US$ 500 milhões terão vencimento em 2025, com remuneração de 3,625%, e os US$ 750 milhões restantes terão vencimento em 2030, e remuneração de 4,625%. O fechamento da operação está sujeito aos termos e condições do acordo de subscrição firmado com as instituições intermediárias da operação.
A Eletrobras divulgará seus resultados de 2019 no dia 25/03/2020.

Ontem a ação ELET3 encerrou cotada a R$ 39,91 com alta de 5,6% no ano. Em 2019 a ação subiu 60,1%. A ELET6 fechou a R4 41,40 com valorização de 8,3% no ano e 41,3% no ano passado.


Linx (LINX3)
Aquisição da PinPag por R$ 135 milhões

Pela aquisição, a Linx pagará o total de R$ 135,0 milhões à vista e, adicionalmente, sujeito ao atingimento de metas financeiras e operacionais para os anos entre 2021 e 2022, pagará o valor de até R$ 65,0 milhões

Fundada em 2006, a PinPag é uma fintech especializada em meios eletrônicos de pagamento e oferece soluções personalizadas e disruptivas de parcelamento para o varejo. O faturamento bruto da PinPag para 2019 foi de R$68,5 milhões.

Ontem a ação LINX3 encerrou cotada a R$ 34,42 com queda de 2,8% no ano.


Santander (SANB11)
Compra dos 40% restantes do Banco Olé por R$ 1,608 bilhão

Com a transação, anunciada em dezembro, o Santander passa a ser, direta e indiretamente, titular da totalidade das ações de emissão do Banco Olé.

O Olé tem como foco o crédito consignado, e o Santander informou em março do ano passado que a Bosan formalizou interesse em exercer a opção de venda de sua fatia no capital da instituição para a Aymoré Crédito, Financiamento e Investimento, controlada pelo Santander Brasil.

Ontem a ação SANB11 encerrou cotada a R$ 43,10 com queda de 9,2% no ano.


Embraer (EMBR3)
Contrato de venda de 20 jatos E175 para a SkyWest no valor de US$ 972 milhões

Ontem, a Embraer anunciou a assinatura de um contrato com a SkyWest para um pedido firme de 20 jatos E175 configurados com 76 assentos. O pedido tem um valor de US$ 972 milhões, com base nos preços de lista da Embraer de 2019, e estará incluso na carteira de pedidos (backlog) do quarto trimestre de 2019. As entregas estão previstas para começar no segundo semestre.

A ação EMBR3 encerrou ontem cotada a R$ 18,10 com queda de 8,3% neste ano. Em 2019 a queda foi de 9,0%. A ação hoje é cotada abaixo de seu VPA (0,86x). O valor de mercado é de 13,3 bilhões.


Oi S.A (OIBR3 e OIBR4) )
Celebrado contrato de venda de edifício no Rio de Janeiro por R$ 120,5 milhões

A Oi celebrou um instrumento de promessa de venda de um imóvel de sua propriedade no bairro de Botafogo, na Rua General Polidoro, 99, no Rio de Janeiro. Atualmente o prédio é ocupado pela própria empresa.

Recentemente a OI anunciou a venda de seu negócio em Angola por US$ 1,0 bilhão.

Outros ativos fazem parte da programação de desmobilização para cumprir o Plano Estratégico de recuperação da companhia.

Ontem a ação OIBR3 encerrou cotada a R$ 0,98 com alta de 14,0% neste ano. Em 2019 a queda foi de 31,2% e 53,9% em 2018. A ação OIBR4 fechou a R$ 1,37 com valorização de 11,4% no ano. O valor de mercado da OI está em R$ 5,89 bilhões e o patrimônio líquido em R$ 19,9 bilhões (Cot./VPA = 0,41x).


 

Se preferir, baixe em PDF:

 

 

Análises Gráficas >>> 


DISCLAIMER
Este relatório foi preparado pela Planner Corretora e está sendo fornecido exclusivamente com o objetivo de informar. As informações, opiniões, estimativas e projeções referem-se à data presente e estão sujeitas à mudanças como resultado de alterações nas condições de mercado, sem aviso prévio. As informações utilizadas neste relatório foram obtidas das companhias analisadas e de fontes públicas, que acreditamos confiáveis e de boa fé. Contudo, não foram independentemente conferidas e nenhuma garantia, expressa ou implícita, é dada sobre sua exatidão. Nenhuma parte deste relatório pode ser copiada ou redistribuída sem prévio consentimento da Planner Corretora de Valores. O presente relatório se destina ao uso exclusivo do destinatário, não podendo ser, no todo ou em parte, copiado, reproduzido ou distribuído a qualquer pessoa sem a expressa autorização da Planner Corretora. As opiniões, estimativas, projeções e premissas relevantes contidas neste relatório são baseadas em julgamento do(s) analista(s) de investimento envolvido(s) na sua elaboração (“analistas de investimento”) e são, portanto, sujeitas a modificações sem aviso prévio em decorrência de alterações nas condições de mercado. Declarações dos analistas de investimento envolvidos na elaboração deste relatório nos termos do art. 21 da Instrução CVM 598/18: O(s) analista(s) de investimento declara(m) que as opiniões contidas neste relatório refletem exclusivamente suas opiniões pessoais sobre a companhia e seus valores mobiliários e foram elaboradas de forma independente e autônoma, inclusive em relação à Planner Corretora e demais empresas do Grupo.