Acordo comercial fechado entre EUA e China ​deu novo ânimo aos mercados na reta final de 2019

MERCADO


Bolsa

O Ibovespa encerrou a sexta-feira com alta de 0,33% aos 112.565 pontos com giro financeiro de R$ 25,8 bilhões. Hoje acontece o vencimento de opções sobre ações, o que deverá influenciar o mercado na primeira metade do pregão. As bolsas internacionais operam em alta na zona do euro acompanhando a sinalização dos futuros americanos. O acordo comercial fechado entre EUA e China deu novo ânimo aos mercados na reta final de 2019 favorecendo também o Ibovespa a buscar um novo pico até a virada do ano. A agenda econômica traz indicadores da zona do euro e EUA, sem relevância para nosso mercado. Do lado doméstico temos o IPC-S com alta de 0,87% e o IGP-10 M/A com alta de 1,69% além do Boletim Focus.

Câmbio

A moeda americana fechou aos R$ 4,1079 na sexta-feira contra R$ 4,0903 no dia anterior (+0,42%). No mês, o dólar mostra um recuo de 3,05%.

Juros

As taxas de juros futuros encerraram o dia estável na ponta mais curta, com o DI com vencimento em jan/20 marcando 4,40% e para jan/27 encerrou a 6,70% ante 6,68% na quinta-feira.


ANÁLISE DE SETORES E EMPRESAS

Hapvida (HAPV3)
Acordo de compra da carteira da Planned por R$ 57,5 milhões

A Planned está sediada em Aracaju (SE) e conta com uma carteira de cerca de 31 mil beneficiários de planos de saúde localizados majoritariamente na região de Aracaju e municípios vizinhos.
A Hapvida vem num ritmo de aquisições desde a sua abertura de capital em abril de 2018, expandindo suas atividades para outras regiões do país. Na sexta-feira a ação HAPV3 encerro cotada a R$ 56,18 acumulando valorização de 81,6% no ano.


Vivara Participações (VIVA3)
Conclusão do plano de expansão de 2019

No ano, foram inaugurados 31 novos pontos de vendas, sendo 18 lojas Vivara, 9 quiosques e 4 lojas dedicadas à marca Life. A Companhia encerrará o ano com 253 operações: 191 lojas Vivara, 56 Quiosques e 6 lojas Life.

Na sexta-feira a ação VIVA3 encerrou cotada a R$ 28,30 com valorização de 14,1% em relação à cotação de abertura de R$ 24,80, no dia 10/10 (estreia na B3).


São Martinho (SMTO3)
Encerramento do período de moagem da safra 2019/20

A companhia encerrou o período de moagem referente à safra 2019/20. Na comparação entre os dados de produção considerados no cenário máximo alcooleiro informados no Guidance, em junho/2019 e o resultado efetivo na safra destaque para o aumento de 2,9% no volume de cana processada em relação as estimativas iniciais, deve-se às melhores condições climáticas observadas durante a safra e, principalmente, à maior produtividade da cana de primeiro corte, plantada com o novo sistema de MPB com Meiose. Nesta base de comparação o ATR médio cresceu 0,3% para R$ 139,4 Kg/ton. A produção de açúcar veio 4,8% superior totalizando 1,11 milhão de toneladas e a produção de etanol cresceu 2,4% para 1,17 milhão de m³.
Resultados obtidos na safra 2019/20 em relação à safra anterior. Nesta base de comparação o volume de cana processada cresceu 10,7% totalizando R$ 22,64 milhões de toneladas e o ATR produzido foi 8,5% superior para 2,91 milhões de toneladas. Destaque para o crescimento de 11,5% na produção de açúcar e de 6,9% no etanol.


Sul América (SULA11)
JCP de R$ 0,2838/Unit. “Ex” em 19/dez/19

O conselho de administração da Sul América aprovou o pagamento de Juros Sobre o Capital Próprio  (JCP) no valor bruto de R$ 110 milhões, correspondente a R$ 0,2838856587331990 por Unit. O pagamento será realizado a partir de 17 de abril de 2020.

Serão beneficiados os acionistas inscritos em 18 de dezembro deste ano, passando as Units a serem negociadas “ex-direito” aos JCP a partir do dia 19 de dezembro. Com base na cotação de R$ 53,70/Unit o retorno líquido é de 0,45%.


Randon (RAPT4)
Pagamento de juros sobre o capital

A empresa comunicou que vai pagar juros sobre o capital (JCP) no valor total de R$ 57,9 milhões (R$ 0,16911 por ação ordinária e preferencial antes do Imposto de Renda).
• O pagamento será realizado no dia 23 de janeiro de 2020, considerando a posição dos acionistas em 18 de dezembro de 2019. A partir de 19/dezembro as ações da Randon serão negociadas “ex-JCP”;
• Este provento permitirá um retorno bruto de 1,4% para os detentores de RAPT4, considerando a cotação da ação no fechamento do último pregão.


Boletim Focus
Nesta semana destaque para o aumento das expectativas de inflação em 2019 e do PIB em 2019 e 2020

Dentre as alterações contidas no Boletim Focus desta segunda-feira (16/dezembro), destaque para a alta do IPCA e do IGP-M; elevação das estimativas de crescimento da atividade econômica medida pelo PIB e manutenção da taxa de câmbio, em 2019. Para o próximo ano, ressalte-se a estabilidade do IPCA e do câmbio, alta do IGPM e elevação do PIB.
Destaques do Boletim Focus publicado nesta segunda-feira, para 2019:
IPCA: 3,86%;
IPCA (atualização dos últimos 5 dias): 3,92%;
PIB: 1,12%;
Taxa de Câmbio: R$/US$ 4,15;
Meta Taxa Selic: 4,50% a.a.


 

Se preferir, baixe em PDF:

 

 

Clique para acessar nossos Mapas Diários:

>>Mapa de Oscilações

>>Mapa de Posições Alugadas

>>Análises Gráficas e Mapas


DISCLAIMER
Este relatório foi preparado pela Planner Corretora e está sendo fornecido exclusivamente com o objetivo de informar. As informações, opiniões, estimativas e projeções referem-se à data presente e estão sujeitas à mudanças como resultado de alterações nas condições de mercado, sem aviso prévio. As informações utilizadas neste relatório foram obtidas das companhias analisadas e de fontes públicas, que acreditamos confiáveis e de boa fé. Contudo, não foram independentemente conferidas e nenhuma garantia, expressa ou implícita, é dada sobre sua exatidão. Nenhuma parte deste relatório pode ser copiada ou redistribuída sem prévio consentimento da Planner Corretora de Valores. O presente relatório se destina ao uso exclusivo do destinatário, não podendo ser, no todo ou em parte, copiado, reproduzido ou distribuído a qualquer pessoa sem a expressa autorização da Planner Corretora. As opiniões, estimativas, projeções e premissas relevantes contidas neste relatório são baseadas em julgamento do(s) analista(s) de investimento envolvido(s) na sua elaboração (“analistas de investimento”) e são, portanto, sujeitas a modificações sem aviso prévio em decorrência de alterações nas condições de mercado. Declarações dos analistas de investimento envolvidos na elaboração deste relatório nos termos do art. 21 da Instrução CVM 598/18: O(s) analista(s) de investimento declara(m) que as opiniões contidas neste relatório refletem exclusivamente suas opiniões pessoais sobre a companhia e seus valores mobiliários e foram elaboradas de forma independente e autônoma, inclusive em relação à Planner Corretora e demais empresas do Grupo.