Mais peso para as decisões domésticas nos últimos dias

MERCADO


Bolsa

O mercado de ações segue descolado das bolsas internacionais, dando mais peso para as decisões domésticas nos últimos dias. Ontem o Ibovespa chegou a operar do lado negativo, mas encerrou com alta de 0,18% aos 96.567 pontos e giro financeiro de R$ 14,3 bilhões. No mercado externo e importante monitorar o comportamento das principais economias que seguem demonstrando sinais de desaceleração, ponto de atenção para as bolsas. Hoje a agenda econômica traz dados locais importantes, como o PIB do 1T19 com  queda de 0,20% no T/T e alta de 0,50% em 12 meses. Saiu também o IGP-M com alta de 0,45%  no M/M e de 7,64% no A/A. Nos EUA o PIB anualizado sai nesta manhã, somado a outros indicadores importantes no País, podem influenciar as bolsas de NY hoje. No exterior, as bolsas fecharam em queda na Ásia e sobem na zona do euro, nesta manhã e os futuros de NY indicam abertura em alta, bem como o Ibovespa.

Câmbio

Após dez sessões cotadas acima dos R$ 4 no fechamento, a moeda americana recuou de R$ 4,0257 na terça-feira para R$ 3,9743 (-1,28%). Esta queda se deu num ambiente externo negativo, mas com uma melhora do humor do lado doméstico, com avanços nas decisões políticas.

Juros

Com o dólar em queda e a bolsa com ambiente mais calmo, os juros futuros novamente encontraram espaço para redução. A taxa do contrato de Depósito Interfinanceiro (DI) para jan/20 fechou em 6,33%, de 6,309% na terça-feira e para jan/25 a taxa passou de 8,361% para 8,22%.


ANÁLISE DE SETORES E EMPRESAS

 

Odontoprev (ODPV3)
Abertura de programa de recompra de ações representativas de 1,03% do total em circulação

  • Serão objeto deste novo programa 2.716.074 ações ordinárias da companhia, que representam 1,03% das 263.868.807 ações atualmente em circulação no mercado, negociadas na B3. Atualmente, 454.354 ações encontram-se em Tesouraria.
  • O prazo máximo para realizar as aquisições é até 15/10/19, com início hoje (30/5).

Ontem a ação ODPV3 encerrou cotada a R$ 16,06 acumulando alta de 18% no ano. Com base no preço atual o valor a ser desembolsado é de R$ 43,6 milhões.


Linx (LINX3) 
Pedido de registro de oferta primária e secundária de ações na CVM e de ADS na SEC

A companhia informa que oportunamente serão divulgados os detalhes da operação e que cada ADS será representado por uma ação. A alternativa de negociação no mercado internacional é positiva para a liquidez e maior exposição da empresa.

Ontem a ação LINX3 encerrou cotada a R$ 33,07 acumulando alta de 1,9% no ano. O valor de mercado da companhia é de R$ 5,2 bi.


Petrobras (PETR4)
Liminar suspende venda de empresas de fertilizantes

A empresa informou que foi intimida da decisão proferida pela Justiça Federal do Rio de Janeiro, que concedeu liminar determinando a suspensão do processo de venda da Araucária Nitrogenados e de sua Unidade de Fertilizantes Nitrogenados III.

Assim como a suspensão que foi determinada esta semana pelo Supremo Tribunal Federal dos processos de venda de vários ativos, entre eles a Transportadora Associada de Gás (TAG), esta também é uma má notícia;

Estas medidas trazem insegurança para os compradores de ativos da Petrobras, comprometendo seu Plano de Desinvestimentos, que vem contribuindo efetivamente para a redução do endividamento da empresa.


CSN (CSNA3) 
Fitch eleva nota de crédito

A Fitch Ratings elevou ontem a nota de crédito da CSN de “B-“ para “B” incluindo os IDRs (Issuer Default Ratings – Ratings de Inadimplência do Emissor) de Longo Prazo em Moedas Estrangeira e Local.  A perspectiva de crédito da empresa foi revisada para Positiva, vindo de Estável.

Para uma empresa com elevado endividamento como a CSN, que necessita fazer uma gestão ativa da sua dívida, esta é uma boa notícia;

A Fitch cita como razões para esta elevação, a redução substancial do risco de refinanciamento da dívida e a melhoria no ambiente de negócios da mineração.


Petrobras Distribuidora (BRDT3) 
Pagamento de dividendos corrigidos

A empresa vai pagar no dia 31 de maio a primeira parcela dos dividendos referentes ao exercício de 2018.

O valor desta parcela será de R$ 1 bilhão e terão direito os investidores que detinham posições de BRDT3 em 24/abril. O valor remanescente deste provento (R$1,5 bilhão), será pago até 31/outubro de 2019;

Corrigido pela taxa Selic, os acionistas vão receber de R$ 0,88062848541 por ação.  Este dividendo permite um retorno de 3,6%, considerando a cotação de BRDT3 ontem.


Cemig (CMIG4) 
Cia estima EBITDA entre R$ 4,5 bi e R$ 4,9 bilhões em 2019

Ontem (29/maio) a Cemig realizou seu Encontro Anual com Investidores. Destaque para a estimativa de um EBITDA (consolidado) para 2019 entre R$ 4,534 bilhões e R$ 4,915 bilhões. Em 2018 a companhia registrou um EBITDA de R$ 3,917 bilhões, atualizado a moeda corrente base jun/19.

Suas ações (CMIG4) apresentam alta de 6,5% este ano e 94,5% nos últimos doze meses, para uma cotação de R$ 14,30/ação, equivalente a um valor de mercado de R$ 20,9 bilhões. Os múltiplos para 2019 são: P/L de 10,4x e VE/EBITDA de 7,8x. O preço justo de R$ 16,00/ação traz um potencial de alta de 11,9%.

Para 2020 o guidance aponta para um EBITDA entre R$ 4,832 bilhões e R$ 5,239 bilhões. Nesse contexto, o indicador Dívida Líquida/EBITDA que ao final de 2018 estava em 4,38x, se reduziria a 2,37x em 2019 e para 1,94x em 2020.

Capex para o período de 2019 a 2023. A Cemig planeja investir R$ 8,334 bilhões em seus negócios de geração, transmissão e distribuição ao longo dos próximos cinco anos, entre 2019 e 2023. A maior parte será destinada ao segmento de distribuição através da Cemig D com um total de R$ 6,458 bilhões, enquanto a Cemig GT investirá R$ 1,876 bilhão.


Eletrobras (ELET3, ELET6) 
Opção na Eletroacre e Boa Vista

O Conselho de Administração da Eletrobras decidiu ontem (29/maio) não exercer a opção de aumentar em até 30% a participação da empresa no capital social da Eletroacre e da Boa Vista Energia, distribuidoras que foram privatizadas.

As ELET3 cotadas a R$ 33,64/ação registram alta de 42,4% este ano. As ELET6 ao preço de R$ 35,01/ação apresentam valorização de 29,4% em 2019. Este desempenho se mostra acima da valorização de 9,9% do Ibovespa e de 20,8% do IEE no mesmo período. Tomando por base números estimados pelo mercado, os múltiplos para 2019 são: P/L de 6,6x e VE/EBITDA de 6,0x.

Como de conhecimento do mercado e amplamente divulgado, no âmbito dos processos de privatização da Companhia de Eletricidade do Acre (Eletroacre) e da Boa Vista Energia S/A (Boa Vista Energia), a Eletrobras firmou Acordos de Acionistas com as respectivas compradoras Energisa S/A, no caso da Eletroacre, e com o Consórcio Oliveira Energia e Atem, no caso da Boa Vista Energia, nos termos do Edital do Leilão número 2/2018-PPI/PND.

Nos referidos Acordos de Acionistas era prevista a possibilidade de a Eletrobras exercer, no prazo de 180 dias, contados da troca do controle acionário, a opção de aumentar a sua participação no capital social das companhias privatizadas em até 30%.


Se preferir, baixe em PDF:

 

 

Clique para acessar nossos Mapas Diários:

>>Mapa de Oscilações

>>Mapa de Posições Alugadas

>>Análises Gráficas


DISCLAIMER
Este relatório foi preparado pela Planner Corretora e está sendo fornecido exclusivamente com o objetivo de informar. As informações, opiniões, estimativas e projeções referem-se à data presente e estão sujeitas à mudanças como resultado de alterações nas condições de mercado, sem aviso prévio. As informações utilizadas neste relatório foram obtidas das companhias analisadas e de fontes públicas, que acreditamos confiáveis e de boa fé. Contudo, não foram independentemente conferidas e nenhuma garantia, expressa ou implícita, é dada sobre sua exatidão. Nenhuma parte deste relatório pode ser copiada ou redistribuída sem prévio consentimento da Planner Corretora de Valores. O presente relatório se destina ao uso exclusivo do destinatário, não podendo ser, no todo ou em parte, copiado, reproduzido ou distribuído a qualquer pessoa sem a expressa autorização da Planner Corretora. As opiniões, estimativas, projeções e premissas relevantes contidas neste relatório são baseadas em julgamento do(s) analista(s) de investimento envolvido(s) na sua elaboração (“analistas de investimento”) e são, portanto, sujeitas a modificações sem aviso prévio em decorrência de alterações nas condições de mercado. Declarações dos analistas de investimento envolvidos na elaboração deste relatório nos termos do art. 21 da Instrução CVM 598/18: O(s) analista(s) de investimento declara(m) que as opiniões contidas neste relatório refletem exclusivamente suas opiniões pessoais sobre a companhia e seus valores mobiliários e foram elaboradas de forma independente e autônoma, inclusive em relação à Planner Corretora e demais empresas do Grupo.