Tupy – Relatório de Análise

Redução das vendas, mas crescimento do lucro no 1T19

Os resultados da Tupy no 1T19 mostraram redução no volume vendido e nas margens operacionais.  Na teleconferência para discutir estes números, a diretoria da empresa foi enfática ao citar que os problemas na operação ocorreram somente em janeiro e fevereiro, sendo superados já em março.  Além disso, a expectativa é positiva para o restante do ano, com aumento das vendas e na rentabilidade, em função do crescimento da participação de produtos com maior valor agregado no faturamento.  Porém, o fraco resultado do 1T19 vai impactar negativamente a margem EBITDA do ano, fazendo que esta fique abaixo do guidance divulgado anteriormente.  Em nossas projeções, já estimamos aumentos dos custos que fariam esta margem ficar abaixo dos 15%.  Vale lembrar que as operações da Tupy estão concentradas no exterior (81,5% da receita no 1T19), atendendo a mercados cuja demanda continua aquecida.  Nossa recomendação para TUPY3 é de Compra com Preço Justo de R$ 26,00 por ação, indicando um potencial de alta em 47%.  As baixas recentes da ação (7,5% no ano), permitem uma boa oportunidade de compra.

  • Expectativas para 2019:

– Os produtos com maior valor agregado terão participação cada vez mais elevada no faturamento;

– A demanda nos Estados Unidos continua sólida.  No Brasil, a demanda é crescente;

– Os volumes perdidos no 1T19 serão recuperados ao longo do ano;

– A margem EBITDA em 2019 será menor que o guidance de 15%.  Esta margem deve ficar na casa dos 14%;

  • Proventos: A Tupy pagará no dia 18/junho dividendos no valor de R$ 25 milhões (R$0,1733973 por ação), com base nas posições acionárias de 21 de maio.  Este dividendo permitirá uma rentabilidade de 1,0%, considerando a cotação de TUPY3 ontem;
  • Resultados do 1T19: Na noite de ontem, a empresa divulgou seus resultados do 1T19, que na comparação com o mesmo período de 2018, mostraram redução das vendas e perdas de margens operacionais.  Porém, ganhos não recorrentes permitiram o aumento do lucro líquido.  O lucro líquido no 1T19 somou R$ 80 milhões (R$ 0,56 por ação), 3,2% maior que no trimestre anterior e 41,4% superior ao número do 1T18;
  • A dívida líquida da Tupy ao final do 1T19 era de R$ 890 milhões e apresentou crescimento de 30,4% no trimestre e 10,3% nos últimos doze meses.  A relação dívida líquida/EBITDA em março de 2019 era de 1,3x, vindo de 1,0x no trimestre anterior e 1,5x no 1T18.

Clique para acessar:

 

DISCLAIMER
Este relatório foi preparado pela Planner Corretora e está sendo fornecido exclusivamente com o objetivo de informar. As informações, opiniões, estimativas e projeções referem-se à data presente e estão sujeitas à mudanças como resultado de alterações nas condições de mercado, sem aviso prévio. As informações utilizadas neste relatório foram obtidas das companhias analisadas e de fontes públicas, que acreditamos confiáveis e de boa fé. Contudo, não foram independentemente conferidas e nenhuma garantia, expressa ou implícita, é dada sobre sua exatidão. Nenhuma parte deste relatório pode ser copiada ou redistribuída sem prévio consentimento da Planner Corretora de Valores. O presente relatório se destina ao uso exclusivo do destinatário, não podendo ser, no todo ou em parte, copiado, reproduzido ou distribuído a qualquer pessoa sem a expressa autorização da Planner Corretora.

As opiniões, estimativas, projeções e premissas relevantes contidas neste relatório são baseadas em julgamento do(s) analista(s) de investimento envolvido(s) na sua elaboração (“analistas de investimento”) e são, portanto, sujeitas a modificações sem aviso prévio em decorrência de alterações nas condições de mercado.
Declarações dos analistas de investimento envolvidos na elaboração deste relatório nos termos do art. 21 da Instrução CVM 598/18:
O(s) analista(s) de investimento declara(m) que as opiniões contidas neste relatório refletem exclusivamente suas opiniões pessoais sobre a companhia e seus valores mobiliários e foram elaboradas de forma independente e autônoma, inclusive em relação à Planner Corretora e demais empresas do Grupo.