Vale – Relatório de Análise

Compre e espere a poeira baixar

Revisamos as projeções da Vale, considerando uma expectativa de perdas com a mitigação dos problemas derivados do rompimento da barragem de rejeitos em Brumadinho.  Com isso, reduzimos o Preço Justo da VALE3 de R$ 60,00 para R$ 56,00.  Porém, com as quedas recentes da ação (19,0% desde o acidente), vemos um potencial expressivo de valorização (23,1%) e alteramos nossa recomendação de Venda para Compra.  Como o processo de reparação dos danos praticamente nem começou, é normal que seus desdobramentos mantenham a empresa na mídia de forma negativa e isso comprometa a ação no curto prazo.

  • Após o acidente ocorrido na Barragem de rejeitos da Mina Córrego do Feijão, as ações da Vale caíram 19,0%, com uma redução no valor de mercado de R$ 55,1 bilhões.  Acreditamos que as vidas perdidas e o impacto ambiental não têm preço, mas há um custo para mitigar os danos e tentamos estimá-lo, mesmo que pela falta de dados neste momento, isso tenha de ser feito sem garantia de acurácia;
  • Estimamos que o custo total de mitigação do acidente em Brumadinho possa ser o dobro daquele incorrido em Mariana, lembrando que para a Vale será quatro vezes maior (valor presente de R$ 24 bilhões – US$ 6,5 bilhões), dado que a empresa agora arcará sozinha com todo o custo;
  • Impacto do acidente na produção e nas vendas: A justiça já determinou o fechamento de três minas da Vale, por precaução em relação à segurança das barragens de rejeitos.  O montante somado da produção destas minas chega a 51 milhões de toneladas ao ano, volume equivalente a 13,9% do total produzido pela Vale em 2017. Não acreditamos que o impacto nas vendas possa ser igual àquele do volume de produção paralisado;
  • Impacto do acidente no preço do minério: As cotações do minério de ferro foram impactadas nos últimos dias pelo acidente de Brumadinho, com o temor de queda pronunciada na produção da Vale.  Não esperamos que as cotações permaneçam nos patamares atuais, porque acreditamos que os embarques da Vale vão se normalizar e não haverá falta de produto no mercado.

Clique para acessar:

 

DISCLAIMER
Este relatório foi preparado pela Planner Corretora e está sendo fornecido exclusivamente com o objetivo de informar. As informações, opiniões, estimativas e projeções referem-se à data presente e estão sujeitas à mudanças como resultado de alterações nas condições de mercado, sem aviso prévio. As informações utilizadas neste relatório foram obtidas das companhias analisadas e de fontes públicas, que acreditamos confiáveis e de boa fé. Contudo, não foram independentemente conferidas e nenhuma garantia, expressa ou implícita, é dada sobre sua exatidão. Nenhuma parte deste relatório pode ser copiada ou redistribuída sem prévio consentimento da Planner Corretora de Valores. O presente relatório se destina ao uso exclusivo do destinatário, não podendo ser, no todo ou em parte, copiado, reproduzido ou distribuído a qualquer pessoa sem a expressa autorização da Planner Corretora.

As opiniões, estimativas, projeções e premissas relevantes contidas neste relatório são baseadas em julgamento do(s) analista(s) de investimento envolvido(s) na sua elaboração (“analistas de investimento”) e são, portanto, sujeitas a modificações sem aviso prévio em decorrência de alterações nas condições de mercado.
Declarações dos analistas de investimento envolvidos na elaboração deste relatório nos termos do art. 21 da Instrução CVM 598/18:
O(s) analista(s) de investimento declara(m) que as opiniões contidas neste relatório refletem exclusivamente suas opiniões pessoais sobre a companhia e seus valores mobiliários e foram elaboradas de forma independente e autônoma, inclusive em relação à Planner Corretora e demais empresas do Grupo.

[/fusion_text][/fusion_builder_column][/fusion_builder_row][/fusion_builder_container]