Ibovespa atinge novo pico

As principais notícias do mercado estão aqui, para você começar o dia bem informado.

MERCADO


Bolsa
O Ibovespa atingiu novo pico, com alta de 1,01% aos 95.352 pontos e giro financeiro de R$ 15,7 bilhões, ainda sem participação relevante de investidores estrangeiros. No final do dia, notícias de que poderá haver flexibilização nas tarifas impostas entre EUA e China deram força aos mercados e este otimismo continuou hoje nas bolsas internacionais. Os preços do petróleo também seguem em alta. A agenda econômica traz hoje a segunda prévia do IGP-M com queda de 0,01%. Nos EUA destaque par a produção industrial de dez/18 a ser divulgada no meio do dia. As bolsas mostram alta no fechamento da Ásia, na zona do euro nesta manhã e nos futuros de NY. Este bom humor poderá ajudar a bolsa doméstica, que segue na expectativa de texto do projeto da reforma da Previdência.

Câmbio
O dólar também vem em recuperação, marcando a terceira alta seguida, cotado a R$ 3,7579 no fechamento (+0,42). O dólar para fevereiro fechou em alta de 0,36%, a R$ 3,7520.

Juros
Sem novidades nos últimos dias, o mercado de juros segue com poucas oscilações nos últimos dias. Ontem a taxa do DI mais curta (jan/20) fechou em 6,55%, ante 6,59% do ajuste anterior. Na parte mais longa, o DI para jan/25 a taxa encerrou o dia em 9,00%, de 9,01% do ajuste da quarta-feira.

ANÁLISE DE SETORES E EMPRESAS


Eletrobras (ELET3 e ELET5)
Confirmado plano de demissão consensual a partir de 21/janeiro

  • O Plano de Demissão Consensual 2019 começará a partir do dia 21/01
  • As adesões ocorrerão por um prazo de 30 dias.
  • O PDC envolve a holding e as controladas Cepel, CGTEE, Chesf, Eletronuclear, Eletronorte, mazonas GT, Eletrosul e Furnas.
  • A meta é o desligamento de 2.187 funcionários, (9,5% do efetivo de set/18: 23.044 funcionários).
  • A economia esperada é de R$ 574 milhões ao ano.
  • Ontem as ações ELET3 e ELET6 fecharam cotadas a R$ 30,95 e R$ 33,92, respectivamente.  Ambas com forte valorização neste começo de ano. A ON subiu 27,7% e a PNB valorizou 20,4%.

Gafisa (GFSA3)
No 4T18, a companhia lançou apenas 1 empreendimento com VGV de R$ 118,9 milhões

No ano, os lançamentos totalizam R$ 728,7 milhões, 31,5% superior ao total do volume lançado no ano de 2017. Vale lembrar que 2017 o setor reduziu significativamente o número de lançamentos.

Vendas Líquidas – Redução de 22,13% no último trimestre do ano ante igual etapa de 2017 para R$ 95 milhões, acumulando no ano R$ 813,2 milhões, o que representa um incremento de 12,9% em relação ao ano de 2017

Ontem a ação GFSA3 encerrou cotada a R$ 15,70 com desvalorização de 7,1% no ano.


Lojas Renner (LREN3)
Conselho de Administração propõe distribuição de 40% do lucro líquido a título de dividendos e Juros sobre o capital

O conselho de administração da Lojas Renner vai propor aos acionistas, em assembleia marcada para 18 de abril, a distribuição de 40% do resultado do exercício de 2018, a título de dividendos e juros sobre capital próprio

Com base na cotação de fechamento de ontem (R$ 43,25) e na nossa expectativa de resultado líquido para 2018, o dividendo a ser pago seria de R$ 0,48 o que representa um retorno de 1,10% para os acionistas.


Marisa Lojas (AMAR3)
Emissão de R$ 50 milhões em debêntures simples

  • Valor nominal: R$ 1.000,00
  • Data de emissão e vencimento: 24 de janeiro e vencimento de 18 meses, vencendo em 24 de julho de 2020.
  • Remuneração: Juros correspondentes a 100% da variação acumulada das taxas médias diárias dos DI, acrescida de sobretaxa equivalente a 1,90% ao ano.

Petrobras (PETR4)

Decisão desfavorável no CARF 

Em comunicado divulgado após o pregão, a Petrobras informou que o Conselho Administrativo de Recursos Fiscais (CARF) proferiu ontem decisão desfavorável à empresa em processo administrativo.
• Este processo discute a cobrança do Imposto sobre a Renda da Pessoa Jurídica (IRPJ) referente do exercício de 2010, em relação ao lucro auferido por empresas controladas e coligadas no exterior, com valor aproximado de R$ 1,5 bilhão.;
• Esta notícia é negativa, mas ainda sem impacto para a empresa, que vai recorrer à justiça.


Se preferir, baixe o Boletim Diário em pdf:

Baixar PDF

Clique para acessar nossos Mapas Diários:

Mapa de Oscilações

Mapa de Posições Alugadas

Clique para acessar nossas Análises Gráficas:

Análises Gráficas


DISCLAIMER
Este relatório foi preparado pela Planner Corretora e está sendo fornecido exclusivamente com o objetivo de informar. As informações, opiniões, estimativas e projeções referem-se à data presente e estão sujeitas à mudanças como resultado de alterações nas condições de mercado, sem aviso prévio. As informações utilizadas neste relatório foram obtidas das companhias analisadas e de fontes públicas, que acreditamos confiáveis e de boa fé. Contudo, não foram independentemente conferidas e nenhuma garantia, expressa ou implícita, é dada sobre sua exatidão. Nenhuma parte deste relatório pode ser copiada ou redistribuída sem prévio consentimento da Planner Corretora de Valores. O presente relatório se destina ao uso exclusivo do destinatário, não podendo ser, no todo ou em parte, copiado, reproduzido ou distribuído a qualquer pessoa sem a expressa autorização da Planner Corretora. As opiniões, estimativas, projeções e premissas relevantes contidas neste relatório são baseadas em julgamento do(s) analista(s) de investimento envolvido(s) na sua elaboração (“analistas de investimento”) e são, portanto, sujeitas a modificações sem aviso prévio em decorrência de alterações nas condições de mercado. Declarações dos analistas de investimento envolvidos na elaboração deste relatório nos termos do art. 21 da Instrução CVM 598/18: O(s) analista(s) de investimento declara(m) que as opiniões contidas neste relatório refletem exclusivamente suas opiniões pessoais sobre a companhia e seus valores mobiliários e foram elaboradas de forma independente e autônoma, inclusive em relação à Planner Corretora e demais empresas do Grupo.